Compreendendo a Esquizofrenia e outras psicoses a partir da Gestalt Terapia – PUBLICAÇÕES

O objetivo é facilitar a procura, pois ainda há poucas publicações relacionando a GT e as psicoses. As bases de dados utilizadas para as buscas são: Bireme, Google Acadêmico e Scielo.

As referências estão postadas em ordem cronológica decrescente e possuem link (é só clicar em cima do nome) direto ao texto completo.

Encontrando um modo de ser esquizofrênico, arte e técnica na gestalt terapia. Júlio Manoel dos Santos Filho Virgínia Elizabeth Suassuna Martins Costa, 2016.

A experiência das psicoses_Um olhar teórico-clínico da Gestalt-Terapia. Marcela Albo de Oliveira, 2015.

A arteterapia gestáltica como instrumento na clínica individual com clientes que estão esquizofrênicos. Fabrício Siqueira Basso, 2011.

Reflexões acerca da esquizofrenia na abordagem gestáltica. Ludmila Vieira, 2010.

A clínica gestáltica e os ajustamentos do tipo psicótico. Lílian Cherulli de Carvalho e Ileno Izídio da Costa, 2010.

A Intervenção Precoce nos Ajustamentos do Tipo Psicótico e a Clínica Gestáltica. Lílian Cherulli de Carvalho, 2008.

Clínica dos ajustamentos psicóticos_uma proposta a partir da Gestaltterapia. Müller-Granzotto & Müller-Granzotto, 2008.

Terapia Gestalt con esquizofrenicos. John H. Gagnon, s.d.


Confira seleção completa de textos em: http://www.falandosobreesquizofrenia.com.br/gestalt-terapia/


 

Esquizofrenia e suicídio

Resultado de imagem para "esquizofrenia teoria e clinica"Aproveitando a campanha Setembro Amarelo, disponibilizo o capítulo 18 do livro “Esquizofrenia: teoria e clínica” lançado em
2015. O texto escrito por Alves, Ferreira e Magalhães, aborda o comportamento suicida na esquizofrenia, desde sua epidemiologia e prevenção até o tratamento.

Indicado para profissionais da saúde.

 

Clique nas páginas abaixo e boa leitura!

201 202 203 204 205 206 207 208

 

Exemplo de pré-projeto/anteprojeto de pesquisa

Quando queremos fazer mestrado ou doutorado precisamos passar por um processo seletivo, geralmente com avaliação de currículo, prova, entrevista e um pré-projeto. Bom, deixarei aqui no blog um exemplo de pré-projeto para àqueles que precisam fazer um, mas não têm ideia de como é.

                                                    Este projeto foi utilizado por mim na seleção de mestrado em saúde mental – UFSC. Clique em cima do título para baixar o conteúdo completo:

O OLHAR DA PESSOA COM ESQUIZOFRENIA SOBRE A DOENÇA E TRATAMENTO EM TEMPOS DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL

Filme Nise: O coração da Loucura

Já está em cartaz nos cinemas da grande Florianópolis o filme “Nise: O Coração da Loucura”. Com direção de Roberto Berliner e duração de 108 min, o filme conta a história real da psiquiatra Nise da Silveira (interpretada por Glória Pires) que ao sair da prisão, volta aos trabalhos num hospital psiquiátrico no subúrbio do Rio de Janeiro e se recusa a empregar o eletrochoque e a lobotomia no tratamento dos esquizofrênicos. Isolada pelos médicos, resta a ela assumir o abandonado Setor de Terapia Ocupacional, onde dá início a uma revolução regida por amor, arte e loucura. Na grande Florianópolis os Shoppings com o filme em cartaz são (Clique em cima para maiores informações):

Shopping Iguatemi – Florianópolis

Shopping Via Catarina – Palhoça

Trailer Oficial do Filme: YouTube

Quem foi Nise da Silveira?

Nise da Silveira foi uma psiquiatra que revolucionou os métodos de atendimento às pessoas com transtornos mentais no Brasil. Foi uma revolução em sua época na abordagem clínica dos pacientes psiquiátricos, principalmente os esquizofrênicos, que geralmente eram isolados e considerados como incompreensíveis.

Ela cria no Centro Psiquiátrico Pedro II, hoje Instituto Municipal Nise da Silveira, uma oficina de Terapêutica Ocupacional, para aliviar a dor do conflito psicológico desse indivíduo hermético, visto por muitos como incompreensível em seus delírios e alucinações. Nise é reconhecida pelo relevante trabalho junto às instituições de Saúde Mental e pioneirismo de ações que desencadearam a Reforma Psiquiátrica no país (www.ccms.saude.gov.br/nisedasilveira/index.php).

Esquizofrenia: Perguntas & Respostas

A ABRE – Associação Brasileira de familiares, amigos e portadores de esquizofrenia, traz em sua página, 15 perguntas que consideram ser mais frequentes quando o assunto é esquizofrenia. Iniciam com “O que é a esquizofrenia?“:

Esquizofrenia é uma doença grave, complexa, intrigante e sua causa ainda não é conhecida. As manifestações da esquizofrenia são muito variáveis. No geral as pessoas com esquizofrenia apresentam períodos em que têm dificuldade de distinguir o real do imaginário. Podem vivenciar mudanças na sua forma de pensar e sentir, prejudicando suas relações afetivas e seu desempenho profissional e social.

A esquizofrenia é uma doença que acarreta grande carga de sofrimento para a pessoa, sua família e amigos. Quanto antes for iniciado o tratamento melhor será sua evolução, mas frequentemente é necessário que o acompanhamento se dê para toda a vida.

Todas as perguntas e respostas estão no site da ABRE neste link: http://www.abrebrasil.org.br/web/index.php/esquizofrenia/perguntas-frequentes

Também o Programa de Esquizofrenia (PROESQ) da Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP, por meio de seu coordenador geral o psiquiatra Rodrigo Bressan, postaram no site do programa Sete (7) perguntas mais frequentes sobre esquizofrenia e suas respectivas respostas. Dentre elas destacamos:

Quem tem esquizofrenia pode ter uma vida normal?

(…) A esquizofrenia é uma doença que traz dificuldades para a pessoa e para a família, mas ela tem tratamento e pode ficar sob controle. Uma vida normal, com relações familiares boas, com amigos, com um dia a dia que faça sentido, com perspectivas de futuro e a possibilidade de amar está ao alcance da pessoa com esquizofrenia… 

Visualize todas as 7 perguntas e respostas neste link: http://www.psiquiatria.unifesp.br/d/proesq/perguntas/

A Associação Brasileira de Psiquiatria – ABP tem um canal no youtube chamado “Canal da Psiquiatria“. Neste canal você encontra diversos vídeos, dentre eles, bons psiquiatras especialistas em esquizofrenia, como o Bressan e Cristiano Noto. Seguem alguns vídeos que trazem perguntas e respostas sobre o tema: