Esquizofrenia: Perguntas & Respostas

A ABRE – Associação Brasileira de familiares, amigos e portadores de esquizofrenia, traz em sua página, 15 perguntas que consideram ser mais frequentes quando o assunto é esquizofrenia. Iniciam com “O que é a esquizofrenia?“:

Esquizofrenia é uma doença grave, complexa, intrigante e sua causa ainda não é conhecida. As manifestações da esquizofrenia são muito variáveis. No geral as pessoas com esquizofrenia apresentam períodos em que têm dificuldade de distinguir o real do imaginário. Podem vivenciar mudanças na sua forma de pensar e sentir, prejudicando suas relações afetivas e seu desempenho profissional e social.

A esquizofrenia é uma doença que acarreta grande carga de sofrimento para a pessoa, sua família e amigos. Quanto antes for iniciado o tratamento melhor será sua evolução, mas frequentemente é necessário que o acompanhamento se dê para toda a vida.

Todas as perguntas e respostas estão no site da ABRE neste link: http://www.abrebrasil.org.br/web/index.php/esquizofrenia/perguntas-frequentes

Também o Programa de Esquizofrenia (PROESQ) da Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP, por meio de seu coordenador geral o psiquiatra Rodrigo Bressan, postaram no site do programa Sete (7) perguntas mais frequentes sobre esquizofrenia e suas respectivas respostas. Dentre elas destacamos:

Quem tem esquizofrenia pode ter uma vida normal?

(…) A esquizofrenia é uma doença que traz dificuldades para a pessoa e para a família, mas ela tem tratamento e pode ficar sob controle. Uma vida normal, com relações familiares boas, com amigos, com um dia a dia que faça sentido, com perspectivas de futuro e a possibilidade de amar está ao alcance da pessoa com esquizofrenia… 

Visualize todas as 7 perguntas e respostas neste link: http://www.psiquiatria.unifesp.br/d/proesq/perguntas/

A Associação Brasileira de Psiquiatria – ABP tem um canal no youtube chamado “Canal da Psiquiatria“. Neste canal você encontra diversos vídeos, dentre eles, bons psiquiatras especialistas em esquizofrenia, como o Bressan e Cristiano Noto. Seguem alguns vídeos que trazem perguntas e respostas sobre o tema:

 

Dicas de livros sobre Esquizofrenia

Livros bons e atuais sobre esquizofrenia com diferentes enfoques

Inicio com o livro “Entre a Razão e a Ilusão: Desmistificando a esquizofrenia”. Um dos autores é o filósofo Jorge Cândido de Assis que tem o diagnóstico de esquizofrenia, já falei dele aqui no blog em uma das páginas: http://www.falandosobreesquizofrenia.com.br/esquizofrenia/videos-livros-sites-e-blogs/

20130520105314_ASSIS_Entre_razao_ilusao_desmistificando_esquizofrenia_2ed_GRecomendo este livro para todos (paciente, familiar e profissionais), pois a linguagem é bem acessível, sem perder, no entanto, a profundidade das informações. A partir da história de Gabriel (nome fictício) e sua família, de ilustrações, dicas e exemplos, os autores abordam o início da doença, como é tê-la (a partir da perspectiva do paciente e família), tratamentos adequados, estigma e recuperação. 

Dados Gerais:
Nome: Entre a Razão e a Ilusão: Desmistificando a esquizofrenia
Autores: Jorge Cândido de Assis, Cecília Cruz Villares e Rodrigo Affonseca Bressan
Editora: Artmed
Edição: 2
Ano: 2013
Páginas: 229
Preço: 64 reais (segundo a artmed)

Abaixo download do índice e prefácio:

Índice  Índice 2  Prefácio

_________________________________________________________________________

download (3)Para os profissionais, principalmente aqueles que trabalham em equipe (como nos CAPS por exemplo) – indico a leitura de “Esquizofrenia: Avanços no Tratamento Multidisciplinar”. O livro é uma realização de vários profissionais do Programa de Esquizofrenia – PROESQ da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) como psiquiatras, psicólogos, biomédicos, enfermeiros e terapeutas ocupacionais. 

Dados Gerais:
Nome: Esquizofrenia: Avanços no Tratamento Multidisciplinar
Organizadores: Cristiano S. Noto e Rodrigo A. Bressan
Editora: Artmed
Edição: 2
Ano: 2012
Páginas: 307
Preço: 69 reais (segundo a artmed)

Abaixo download do índice e prefácio:

ìndice. Índice 2. Prefácio. Prefácio 2

_________________________________________________________________________

download (2)“Esquizofrenia: Teoria e Clínica” é um dos livros da série “Teoria e Clínica” da coleção ABP – Artmed (parceria entre a Associação Brasileira de Psiquiatria e a Artmed Editora). Texto atualizado conforme DSM 5, reúne as teorias mais atuais (2015) sobre a gênese da doença e ferramentas clinicas necessárias ao diagnóstico e tratamento não só psiquiátrico como também farmacológico, psicoterapêutico e psicossocial. Recomendado à profissionais e estudantes da área.

Dados Gerais:
Nome: Esquizofrenia: Teoria e Clínica
Organizadores: Antônio Egidio Nardi, João Quevedo e Antônio Geraldo da Silva
Editora: Artmed
Edição: 1
Ano: 2015
Páginas: 260

Preço: 85 reias (segundo a Artmed)

Abaixo download do índice e prefácio:

Índice,  Índice 2, Prefácio

_________________________________________________________________________

Por último, retomo o livrocapa-esquizofrenai_2a_ed_fr_final1-208x300 (já indicado no blog) “Entendendo a Esquizofrenia: como a família pode ajudar no tratamento”, voltado aos familiares, ele abrange todas as informações necessárias para um bom convívio e, com certeza, consegue contemplar a maioria das dúvidas levantadas por aqueles que convivem com pessoas que tenham este diagnóstico.

Abaixo download do índice e prefácio:

ìndices  ìndices2  prefácio  prefácio2

Demais informações em “Vídeos, Livros, Sites e Blogs”.

_________________________________________________________________________

Escrito por: Cristina Folster, em 14 fev. 2015

Programa aborda o tema da esquizofrenia e outros transtornos mentais, na perspectiva das pessoas com este diagnóstico, família e profissionais.

O vídeo abaixo é de um programa da emissora Band, chamado A Liga que foi ao ar dia 10 de setembro 2013. Cazé, Thaíde, Mariana, Rita, China e Rafinha Bastos acompanham o dia a dia de pessoas com esquizofrenia e bipolaridade, passando pela casa de Wagner e sua família, CAPS III de São Bernardo do Campo – SP, uma emergência psiquiátrica e o PROESQ (Programa de Esquizofrenia – UNIFESP).

Estou recomendando este vídeo, mas precisa-se vê-lo com um olhar crítico. Algumas considerações são importantes:

Em vários momentos do programa foca-se o diagnóstico. Um exemplo é o momento em que um paciente pergunta à repórter “Qual é a sua graça?” e ela pergunta para ele “Qual o seu transtorno?”. Outro exemplo… Rafinha Bastos fica impressionado que estava conseguindo falar “normalmente” com Wagner, o garoto esperto retruca “o preconceito é seu”. Não é porque uma pessoa tem esquizofrenia que não poderá ter uma conversa com outras pessoas sem ou com este diagnóstico. E mais, o que é uma conversa normal???
O diagnóstico é importante como um fundo norteador que sustenta as intervenções dos profissionais (como psiquiatras) e conhecimento para familiares e as pessoas com tal diagnóstico para que, por exemplo, saibam diferenciar desmotivação de preguiça, delírios de realidade. Contudo, não deve ser foco, a pessoa deve ser o foco! Não chamamos alguém de esquizofrênico e sim de João, Maria, Wagner… O nome! A pessoa que tem algum transtorno mental também tem várias outras características/jeitos, sonhos/desejos, é filho de alguém, conhecido de outros…

Bom, fora algumas considerações que se deva fazer, o vídeo consegue quebrar com alguns preconceitos ao trazer a fala das pessoas com transtornos mentais, dos familiares e dos profissionais. Destacam a importância de outros tratamentos que não só o medicamentoso, e que crises são possíveis assim como a internação, às vezes, é necessária, mas, principalmente naqueles casos em que a pessoa não faz o tratamento adequado. Assuntos como sexualidade e trabalho também são abordados de forma clara.

Aos 55 min. do vídeo uma das pessoas entrevistadas no local de seu trabalho (uma pastelaria) fala sobre seu serviço:

“Este trabalho dá força pra gente, um trabalho que nós dá ânimo, que nos dá coragem pra continuar na lida, só veio a somar (…). As pessoas quando entra neste local não trata a gente como doente, eles não vê a gente como doente, como pessoas deficiente, eles vê a gente como profissionais, como correto que não tem problema que não tem nada e que segue a risca as orientações do trabalho ao qual se propõe a fazer, não existe essa diferença”.

Assistam ao vídeo, vale a pena!

______________________________________________________________________

Escrito por: Cristina folster, em 11 dezembro 2014

Programa De Residência Multiprofissional em Saúde Mental – UNIFESP

logo_unifespA Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) torna público o seu Processo Seletivo para os Programas de Residência Multiprofissional em Saúde. Entre os programas estão: Programa de Residência Multiprofissional em Saúde Mental e Programa de Residência Multiprofissional em Rede de Atenção Psicossocial. O pré-requisito para a inscrição no processo seletivo é a graduação em Psicologia, Serviço Social ou Terapia Ocupacional. O programa em saúde mental também são para os graduados em enfermagem.

PERÍODO DAS INSCRIÇÕES: das 10 horas do dia 07 às 16 horas do dia 31/10/2014.

COMO: Somente via online (internet) no site da Fundação VUNESP –www.vunesp.com.br.

VALOR: 304,02 reais

DAS PROVAS: Serão 3 etapas (prova objetiva – peso 5 – prova dissertativa – peso 3 – curriculum vitae – peso 2).

VAGAS: Programa em saúde mental são 4 vagas para cada profissão. Programa em redes de atenção psicossocial são 2 vagas para cada profissão.

DURAÇÃO DA RESIDÊNCIA: 2 anos

Edital completo AQUI.